breadcrumbs
  1. Home
  2. Sustentabilidade
  3. Com todos dirigindo, nosso ar ainda é puro?

Com todos dirigindo, nosso ar ainda é puro?

0,005 Milímetros                                               
Se dividíssemos um fio de cabelo humano uma centena de vezes, a tolerância da agulha do injetor resultaria em nosso injetor piezo. Esta alta precisão permite mais potência com menor consumo de combustível dos motores.   

Para o desenvolvimento de tecnologias de acionamento, há dois impulsos fundamentais: por um lado, a proteção ativa do clima, e com isso especialmente a redução de emissões de CO2 e gases de escape. Por outro, a crescente necessidade por mobilidade individual, o que leva a diferentes requisitos para veículos e motores.

Sob o conceito-chave de "Clean Power", existem, na divisão Powertrain, soluções inovadoras tanto para gasolina e diesel quanto para acionamento elétrico. Elas fazem a condução não só mais ecológica e mais acessível, mas também aumentam o conforto e prazer de direção.

Como o motor de combustão convencional pode operar de forma mais eficiente?

Na próxima década, os motores otto e diesel serão as unidades de acionamento padrão para cerca de 95 por cento de todos os carros novos. O desenvolvimento e aperfeiçoamento do trem de força convencional são, portanto, tarefas importantes para nós.

No motor otto, a injeção direta de redução do consumo está cada vez mais popular – e mais frequentemente em combinação com turbocompressor e a redução da cilindrada.

Nos motores a diesel, uma maior pressão de injeção e um melhor processamento da mistura de ar e combustível estão entre os pontos de ajuste mais importantes. Aqui vamos nos concentrar nos injetores piezo e alcançaremos resultados ainda melhores com as próximas gerações.

Essas tecnologias são complementadas por inovações de pós-tratamento de escape. Além disso, nossos comandos de câmbio de economia de combustível, unidades de abastecimento conforme necessidade, assim como todo o portfólio de nossos sensores e atuadores reduzem as emissões de escape dos veículos.

Como podemos levar a eletrificação ao mercado?

Nos dias de hoje, veículos exclusivamente eléctricos ainda são produtos de nicho. Ainda mais importante é levar a energia elétrica como parte do acionamento também para outros caminhos na série, pois: A eletrificação prestará uma contribuição indispensável para uma condução mais eficiente e de menor emissão a longo prazo.

A Continental acredita nas soluções de hibridização escalável para o mercado de massa, "eletrificação feita sob medida", e oferece a tecnologia modular, com a qual os fabricantes podem hibridizar veículos de 12 a até 400 volts em uma relação transparente de custo-benefício.

Nesse aspecto, a Continental concentra-se no novo sistema de acionamento "48 Volt Eco Drive". Ele complementa a central elétrica de 12 volts tradicional com um acumulador de energia de 48 volts. Essa eletrificação do trem de força fecha uma lacuna ainda existente entre a hibridização simples dos sistemas start-stop de 12 volts atuais e os sistemas híbridos de alta tensão mais sofisticados. Com baixo custo de integração, o "48 Volt Eco Drive" já conta com muitas funções e benefícios do consumo, que antes eram reservados para o Mild Hybrid com a sua tensão elétrica mais elevada. 

O que queremos dizer com eletrificação feita sob medida?

A Divisão Powertrain oferece uma extensa tecnologia modular, com a qual o fabricante pode eletrificar de forma flexível os veículos existentes – desde os de sistema start-stop, passando pelo 48 volts e o híbrido, até os componentes e sistemas para veículos elétricos. 

A eletrificação feita sob medida é

  • orientada para as necessidades dos motoristas,
  • cumpre os requisitos do fabricante do veículo e,
  • sob boas condições políticas, é o caminho para a mobilidade elétrica.

5 divisões de negócios
Engine Systems, por exemplo, sistemas de gerenciamento de motor e componentes de combustível, produtos de pós-tratamento de escape para veículos comerciais; turbocharger
Transmission, por exemplo, controles para transmissão: transmissão automática por níveis, transmissão de acoplamento dupla, transmissões manuais automatizadas, transmissões automáticas contínuas
Sensors & Actuators, por exemplo, atuadores, bombas elétricas, componentes e módulos para controle de emissões, sensores 
Hybrid Electric Vehicle, por exemplo, eletrônica de potência, motores elétricos, sistemas de armazenamento de energia, sistemas Power-Net para suporte de rede de bordo
Fuel Supply, por exemplo, unidades de abastecimento de combustível, sensores de nível de reservatório, bombas de combustível, controle eletrônico para bomba de combustível