Continental Tagline
Suggestions
Hauptverwaltung
© Continental AG

Linha Direta de “Compliance” e Anticorrupção

POR FAVOR NOTAR QUE:

Esta página não foi concebida para a apresentação de reclamações técnicas ou sobre produtos.
Caso pretenda apresentar uma reclamação, contacte o apoio ao cliente do seu país (as informações de contacto estão disponíveis no site regional da Continental).

Para utilizadores do WINDOWS XP apenas é possível o contacto por via telefónica (+49 1802 38 44 27) devido às normas de segurança online de TI.

O espírito e a ética corporativos da Continental (ou seja, a integridade, a honestidade e o cumprimento da lei) estão documentados no Código de Conduta, nos BASICS e nas normas de Gestão Corporativa. A nossa cultura corporativa baseia-se nestes valores.

A empresa e os seus stakeholders, por exemplo colaboradores, clientes, acionistas, parceiros e fornecedores, são prejudicados por atividades antiéticas, ilegais e irresponsáveis. Por isso, a sua ajuda é um passo importante no combate e na prevenção de práticas ilegais e duvidosas.

A disponibilização da linha direta é uma ajuda na resolução destes incidentes.

Porque é que a Linha Direta de “Compliance” e Anticorrupção é importante?

No passado, recebemos vários contactos anónimos com alegações de corrupção e fraude na empresa. Com a linha direta é possível apresentar voluntariamente informações sobre ações fraudulentas e violações éticas, de forma direta e anónima, à empresa.

Quem deve usar a Linha Direta de “Compliance” e Anticorrupção?

Todos os colaboradores com conhecimento de atividades ilegais e duvidosas devem utilizar a linha direta se não tiverem oportunidade de discutir a questão com o seu superior. Além disso, solicitamos que todos os stakeholders com conhecimento de atividades empresariais ilegais e duvidosas relacionadas com a Continental e com os seus colaboradores utilizem a linha direta. Desvalorizar e ignorar esses comportamentos aumenta os prejuízos e a frustração.

Um comportamento correto e honesto não terá qualquer desvantagem para o denunciante.

Quais os tópicos que devem ser comunicados através da Linha Direta de “Compliance” e Anticorrupção?

A linha direta deve ser utilizada para comunicar as seguintes suspeitas de atividades criminosas:

  • roubo, comissões ilegais e subornos,
  • fraude e desfalque,
  • conflitos de interesse
  • utilização abusiva de informação privilegiada,
  • questões antitrust (violação das leis da concorrência),
  • branqueamento de capitais,
  • manipulação de contabilidade,
  • problemas ambientais,
  • saúde, segurança no trabalho e proteção.

O que acontece após a denúncia?

Todos os contactos serão encaminhados através de um prestador de serviços externo para os departamentos de Auditoria Corporativa bem como para o “Compliance” Corporativo e são imediatamente analisados. Pode auxiliar o nosso trabalho fornecendo-nos voluntariamente informações de contacto (número de telefone, e-mail), para que possamos contactá-lo, caso sejam necessárias mais informações. Todas as informações serão levadas a sério e tratadas em confidencialidade, em conformidade com a lei, como já acontece.